ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2017/2018

21 de dezembro de 2016

Acordo assinado entre a FENTEC e a DIEBOLD/PROCOMP contempla inúmeras reivindicações da categoria

Mais uma vez a FENTEC – Federação Nacional dos Técnicos Industriais não mediu esforços durante as negociações do Acordo Coletivo de Trabalho 2017/2018 com a DIEBOLD/PROCOMP, levando até a empresa as reivindicações da categoria, com a colaboração dos SINTECs – Sindicatos dos Técnicos Industriais.

Acompanhe abaixo as principais conquistas, lembrando que todas as cláusulas estão disponível no site www.fentec.org.br:  

  • Reajuste salarial de 8,5%, sendo 6,0% em 1º de janeiro de 2017 aplicados sobre os salários vigentes em 31 de dezembro de 2016; e 2,5% em 1º de abril de 2017 até o teto de R$ 8.708,16. Para quem recebe salário acima desse valor, o reajuste será de R$ 522,00 em janeiro e de R$ 217,73 em abril;
  • Reajuste de 8,5% no vale-alimentação ou vale-refeição, passando para R$ 28,21 por dia trabalhado;
  • Auxílio-creche de até R$ 423,00; ou seja, até o limite de 30% do menor piso salarial da categoria, por filho com idade de zero a 18 meses;
  • Implantação de um plano de carreira até o final do 1º semestre de 2017;
  • Custeio de 25% do valor do seguro dos veículos de propriedade dos trabalhadores que o utilizarem em função da empresa;
  • Garantia de emprego aos funcionários em vias de aposentadoria, aumentando de 12 para 18 meses de estabilidade para quem tem mais de 10 anos de vínculo empregatício; e beneficiando também os de 5 a 10 anos, com 12 meses de estabilidade que poderá ser convertida em indenização.

Salientamos que essas conquistas são frutos de diversas negociações realizadas pela FENTEC e pelos SINTECs envolvidos com os representantes da empresa, de maneira a contemplar as necessidades dos funcionários expostas a partir da pauta de reivindicações.

 

FENTEC

“Juntos, Somos mais Fortes!”


BOLETIM INFORMATIVO FENTEC Nº 225


Cadastre-se



Acesse sua conta